quarta-feira, 23 de junho de 2010

Dona de casa


-Ô "Crau", eu vou ter que faltar para fazer uns" inxames" em Campinas e meu "onhibus" sai ás 6:00 hs da manhã e volta ás 5:00 horas da tarde, na quarta e quinta- feira.
Sim, esses dias não sou Cinderela sou Gata Borralheira estou lavando ( claro na máquina de lavar), passando ( muito mal por sinal, principalmente camisas masculinas), limpando casa ( estou com uma dor horrível no braço), cozinhando ( cof cof cof, assando nuggets quero dizer).
Alguns afazeres de dona de casa, eu confesso que não tenho competência nenhuma para desenvolver tipo: limpar vidros- eu limpo e fica cada vez mais embaçado, tentei o truque do jornal fiquei com a mão toda preta e o vidro encardido, lavar azulejos- joguei um balde e tomei o maior banho de cândida e desinfetante, lavar cozinha- nunca acerto na quantidade de sabão, vira uma banheira de espuma, ah... e essa é a pior de todas- passar camisas, as minhas ficam com rugas profundas como uma senhora idosa com rosto de maracujá.
É duro eu admitir, sou um verdadeiro fiasco na arte de ser DONA DE CASA.
Minha mãe, lavava, passava, cozinhava, engomava, costurava, bordava e.... não tinha empregada. Bem que ela dizia:
-Não sei de quem essa minha filha puxou!

Um comentário:

Elis disse...

amiga, esquenta com isso tb não!!! eu sou um desastre como dona de casa, já falei pro meu marido, prefiro mil vezes trabalhar fora que em casa arrumando tudo.Tô fora.
ô vida de cão! rsss
bjus Elis