domingo, 12 de junho de 2011

Dia dos namorados casados

Bem... não é que o amor acabou, é que com o passar dos anos a relação sofre uma certa tranformação do tipo " darwinista", sabe a teoria " na natureza tudo se transforma", uma coisa assim.
Quando se tem quatorze anos de casada, o dia dos namorados pode ser comemorado na parte da manhã com o Mickey a a Minie no Disney On Ice, na parte da tarde rola um encontro bem romântico no escurinho do cinema assistindo Kung Fu Panda 2, á noite não podia faltar o jantar romântico na quermesse da Igreja de Santo Antônio que fica em frente do ponto de ônibus que vai para o Jardim Vazame, regado a cachorro quente, milho verde com manteiga e sal, quentão de 51 que queimou minha língua.
Ah, claro... o presente- hoje como estou com uma sorte danada, arrematei em duas rodadas seguidas de bingo: uma bandeja de plástico estampadinha e uma chaleirinha de plástico também- Ô cabra rabuda, eu (!!!)
Agora vocês me dão licença que eu tenho que dar banho nas crianças e pôr meu pijama de flanela, minha meia e gorro de lão, poruqe está muito FRIO :)

2 comentários:

Vivi & Thui disse...

Sempre dou uma olhadinha no teu blog, e o cupido caído chamou minha atenção hj... Guria, espero que o teu relato seja uma brincadeira... Tenho criança e ainda namoro muito e faço questão de reascender o namoro sempre, sem abrir mão de momentos bem legais, não que isso não custe todo um esquema de logística envolvendo até a CIA se for preciso, o que não dá é para deixar o clima esfriar... Quem precisa de pijama de flanela se tem um amor quentinho do lado, né???
Beijo!
Vivi
vivifit601@hotmail.com

Ta a Venda Sim! disse...

Olá tudo bem?
Estamos passando para fazer uma visitinha e para divulgar o blog que ta com carinha nova!
Um bom final de semana, um beijo

www.taavendasim.blogspot.com